in

Dólar tem maior queda trimestral desde 2009

O dólar fechou em queda de -0,47 por cento, a 4,76 reais, na quinta-feira, 31, e encerrou o trimestre com uma forte desvalorização de -14,63 por cento frente ao real (a maior desde 2009, quando caiu -15,81 por cento).

Entenda a queda recente do dólar em relação ao real e o que está mexendo com os mercados.

Por que o dólar está caindo tanto?

Segundo a analista de Renda Fixa e sócia-fundadora da Nord, Marilia Fontes, um dos fatores é a Selic que, recentemente, subiu de +2 por cento para +12,75 por cento (patamar projetado pelo BC para a próxima reunião), ou seja, tivemos um aumento meteórico da nossa taxa básica de juros, enquanto as taxas dos países desenvolvidos ficaram paradas.

Outro fator apontado pela nossa analista é a alta das commodities. Os dois fatores combinados fazem o “céu de brigadeiro”, como costumamos falar.

O dólar vai cair mais?

Na visão da nossa analista, o que provavelmente vai acontecer não temos como saber ao certo sobre as commodities, mas quanto às taxas de juros, o Banco Central do Brasil falou em parar em +12,75 por cento, enquanto o Federal Reserve, o banco central americano, provavelmente vai subir os juros por lá, o que geraria uma pressão um pouco maior na desvalorização do dólar.

Além disso, se as commodities caírem, aumenta ainda mais a pressão na desvalorização do dólar, e se as commodities continuarem subindo, aí elas podem contrabalancear esses efeitos de redução do carrego.

O momento é bom para comprar dólar?

Diante desse cenário, você deve estar se perguntando se este é mesmo um bom momento para comprar dólar. Para Marilia, o valor atual é um bom nível para quem quer comprar dólar, porém a cada ano que passa e o dólar fica no mesmo lugar, você pode acabar perdendo as taxas aqui do nosso país, então ela aconselha que o investidor fique atento se realmente vale a pena comprar.

Renato Breia, sócio-fundador da Nord e consultor CFP® da Nord Wealth, é menos cauteloso em relação a investir em ativos ligados a essa moeda.

Em recente entrevista para o jornal Valor Econômico, Breia afirmou que “é uma boa hora para os brasileiros começarem a ter investimentos internacionais ou para aumentarem a parcela desses ativos na carteira, se estiverem menos alocados do que gostariam”, disse.

Para ele, “as pessoas acham que agora não é uma boa hora para investir fora porque as bolsas de Nova York e o dólar caíram, mas os investimentos devem ser pensados de forma contracíclica. Quando todo mundo acha que não é um bom momento, aí sim é uma boa hora”, completou.

Se você quer rentabilidade e segurança para investimentos em dólar, a série Nord Global é sua escolha, são as melhores recomendações para montar sua carteira de investimentos com Ações americanas.

Leia mais artigos no blog do autor…

Written by Nord Research

A Nord é uma casa de análise de investimentos totalmente focada no pequeno investidor. Nós acreditamos que você pode investir seu patrimônio com a mesma sofisticação e rentabilidade que apenas os melhores gestores profissionais alcançam! Basta ter a informação correta e recomendações práticas de investimento isentas de conflitos de interesses.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Financiar ou Alugar imóvel?

Curto ou longo prazo? O mais importante é aumentar seu capital.